11/12/11

Oscillococcinum, medicamento anti-gripal !

Já devem ter visto a publicidade do Oscillococcinum na televisão, vou explicar de que se trata.
É o medicamento homeopático utilizado pela sua acção preventiva e curativa de estados gripais e dos sintomas decorrentes tais como febre, dores de cabeça, arrepios, dores musculares e afins. Por esta razão é considerado o medicamento anti-gripal completo e de referência pela sua perfeita tolerância e total segurança, não apresenta efeitos secundários, nem contra-indicações, nem interacções medicamentosas.
Oscillococcinum apresenta como grande vantagem o facto de poder ser usado como preventivo dos estados gripais. Qualquer pessoa poderá fazer prevenção com Oscillococcinum ( crianças, grávidas, idosos ).

Deve estar curioso para saber a composição deste medicamento? É feito de bactérias extraídas do fígado e coração do pato e acredita se que estes tem poder em aumentar a nossa imunidade.
Cada embalagem de Oscillococcinum contem 6 frasquinhos pequenos com glóbulos brancos ( preço 11 euros ). Coloque a totalidade do conteúdo do frasco debaixo da língua e deixe dissolver ( de preferência de estômago vazio ). A acção de Oscillococcinum será tanto mais eficaz quanto mais precocemente for tomado, logo após o aparecimento dos primeiros sintomas.

A dosagem deve ser ajustada de acordo com a fase da doença ( adultos e crianças ):
- Prevenção: uma dose semanal durante o período de exposição à gripe.
- Estado gripal no início: uma dose de imediato. Repetir duas a três vezes com 6
horas de intervalo.
- Estado gripal declarado: uma dose de manhã e à noite durante 1-3 dias.
Contem sacarose e lactose ( pelo tal não é aconselhável aos diabéticos ).

É comercializado em mais de 50 países. O primeiro Oscillococcinum foi feito há mais de 60 anos em França e neste momento é o tratamento ( sem receita ) numero 1 para estados gripais neste pais. Os doentes tem sentido uma boa eficácia na prevenção das constipações e o seu poder em fazer desaparecer os sintomas mais rapidamente.

Como eu referi no início é um medicamento homeopático, há opiniões contraditórias sobre eficácia deste grupo terapêutico. Eu pessoalmente não acredito em qualquer poder curativo destes medicamentos pelo simples facto de que cientificamente não houver provas da sua eficácia e indicando que a sua eficácia não é superior ao placebo.

Deixe aqui um comentário com a sua opinião, obrigada!

3 comentários:

  1. O que as criticas nao explicam porque razao este medicamento e outros muitos homeopaticos sao eficazes! A ciencia pode nao conseguir comprovar, mas que ele e eficaz e! Caso contrario teria saido do mercado ha muito tempo!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fie-se na virgem e não corra. Também acredita que Actimel reforça mesmo as defesas imunitárias só porque ainda está no mercado e na publicidade? Mesmo apesar da Danone ter pago uma multa por publicidade enganosa e não ter conseguido fornecer provas claras das alegações que faz sobre estes iogurtes (e outros?).

      Extracto de fígado e coração diluidos 200 vezes é o que o 200k quer dizer. Pega-se numa gota de extracto de fígado e coração e dilui-se em 99 gotas de água. Isto é 1k ou 1c. A seguir pega-se numa gota desta diluição e dilui-se em mais 99 gotas de água. E faz-se isto mais 198 vezes. O que vai ter no fim? ÁGUA.

      Mas os homeopatas acreditam (e é este o termo) que a água guarda a memória do extrato inicial.

      Pegue em 10 moedas de 1 euro e misture com 990 pedrinhas. Depois tire ao acaso 10 partes dessa mistura e dilua em mais 990 pedrinhas. E repita estes passos mais 198 vezes. São muitas pedrinhas para apenas 10 moedinhas de 1 euro. Acha que no final a sua mistura vai conter alguma das moedas originais?

      Agora, faça como um economiasta homeopata e vá ao seu banco com as 1000 pedrinhas 200c e explique-lhes que elas guardam a memória - neste caso o valor - das 10 moeditas iniciais e que, por isso, as suas pedrinhas valem 1000 euros. Boa sorte.

      Eliminar
  2. Dizia uma senhora de meia idade numa exposição sobre conquista do espaço, sobretudo das naves tripuladas. Atenta às imagens do homem na lua, dizia com ar de entendida..."O que me intriga é como conseguem estar lá em cima sem se despencar"? Em medicina nem tudo se explica,a menos que se estude e aprenda que a nova medicina é energética, ainda não mensurável. A acupuntura foi ridicularizada até perceber-se a sua relação com os meridianos,onde flui energia já corrente possível de comprovar. Neste ultimo caso já é uma ferramenta complementar da medicina oficial.Vessalius foi criticado pelos incontestáveis médicos do seu tempo, até ser reconhecido um mestre
    Sempre foi e há-de ser....O que não se conhece rejeita-se.....

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...