31/07/15

Minoxidil e Cistitone Forte no combate a Queda de cabelo.

Queda de cabelo, quem ainda não sentiu isso?
Afecta tanto os homens como as mulheres. Pode ser uma questão temporária ou permanente que que vai piorando progressivamente. Pode ter varias razoes como questões nervosas, hormonais ou simplesmente ligadas ao tempo, é frequente haver maior queda de cabelo na primavera e no outono.

Se acham que a vossa queda de cabelo já dura há algum tempo e especialmente se já começa a notar falhas no couro cabeludo mas ainda não marcou uma consulta na dermatologista vou lhe falar do tratamento que é prescrito em 90% das primeiras consultas. Passado meio ano de tratamento normalmente o efeito é avaliado e se não estiver a funcionar dermatologista começa a sugerir alternativas.
Será prescrito um suplemento vitamínico especifico para cabelos (ex: CISTITONE forte) e o Minoxidil 5% .

Minoxidil 5% : é um estimulante do crescimento capilar em gotas de aplicação local, que actua ao nível do folículo capilar, tem a capacidade de aumentar o fluxo sanguíneo do couro cabeludo, o que resulta na vasodilatação local. Estimular a vascularização do couro cabeludo permitindo uma melhor oxigenação da região, ou seja ele estimula a raiz a produzir mais (aumenta a fase de crescimento dos fios do cabelo), também engrossa os fios que estão a crescer.
Mas o minoxidil somente funciona em folículos vivos, em folículos sem fios de cabelo em repouso ele não é eficaz, isso quer dizer que se tiver uma parte sem cabelos há anos não vai fazer efeito.
Minoxidil pode demorar ate 4 meses para fazer efeito. Logo no inicio de tratamento o efeito pode ser ao contrário, medicamento induz um eflúvio telógeno (queda dos fios) para depois estimular o crescimento dos mesmos. Vai notar cabelos novos a nascerem na área que esta a tratar.

O Minoxidil aplicado topicamente é geralmente, bem tolerado. Os efeitos indesejáveis mais frequentes são reacções dermatológicas locais, geralmente de intensidade moderada ( prurido no couro cabeludo, secura e descamação, irritação local ou sensação de queimadura (ardor), incluindo dermatite irritativa.
Não utilize este medicamento se está grávida ou a amamentar.

Com auxílio do aplicador, aplique 1 ml da solução a 5%, pode aplicar 1 ou 2 vezes por dia
no centro da área afectada do couro cabeludo seco e espalhe com os dedos para distribuição uniforme do produto. Após cada aplicação, lave cuidadosamente as mãos. Pode lavar o cabelo passado algumas horas.
De momento há varias marcas de Minoxidil no mercado por exemplo TRICOVIVAX , FOLCARE, os preços são muito variados em função do tamanho do frasco , varia entre 30 e 50 euros. Existem alguns manipulados, mas infelizmente os dermatologistas não costumam aconselhar.

CISTITONE forte : Suplemento alimentar fortificante indicado para situações de queda do cabelo e unhas fracas e frágeis, formulado com vitaminas, minerais, aminoácidos e antioxidantes ajuda a repor os nutrientes em défice. Este suplemento está indicado para homens e mulheres.

Formulado com L-cistina, que promove a formação de queratina que é uma substância, naturalmente, presente no cabelo e nas unhas. Contém zinco, que actua em sinergia com a vitamina B6 (também presente nesta formulação) para prevenir a queda de cabelo. Contém, ainda, cobre que favorece o crescimento capilar e promove a actividade do zinco e vitamina B5 que favorece o crescimento capilar. A vitamina B5 é um constituinte natural do cabelo encontrando-se diminuída em situações de stress físico e psicológico. É essencial ao crescimento capilar, contribuindo para a obtenção de cabelos mais fortes e brilhantes. 

Deve tomar 2 cápsulas por dia, imediatamente após as principais refeições. Deverá tomar este suplemento durante 3 meses para notar efeito.
Embalagem mensal fica em media 26 euros.


Deixe um comentário com a sua opinião, obrigada!

25/07/15

Prevenar 13 : previne pneumonia



O Prevenar 13 é uma vacina, é um injetável que contém partes de 13 tipos diferentes da bactéria Streptococcus pneumoniae / S. pneumoniae ( vulgarmente chamada por pneumococos). Utilizado na proteção de crianças contra doenças tais como: meningite (inflamação à volta do cérebro), septicémia ou bacteriémia (bactérias na corrente sanguínea), pneumonia (infecção nos pulmões) e infecções nos ouvidos, causadas por 13 tipos da bactéria Streptococcus pneumoniae. É utilizado igualmente na protecção contra pneumonia causadas por S.pneumoniae em adultos e idosos.

As crianças e os adultos a partir dos 50 anos são os mais afectados pela doença pneumocócica . De todas as doenças a pneumonia é a mais comum e fatal, consiste na inflamação nos pulmões, os alvéolos. Leva a um acumulo de líquido infamatório nessa região, impedindo a oxigenação adequada do sangue. No inicio pode ser confundida com uma gripe, mas vai piorando. Os sintomas mais comuns são febre, tosse e catarro, que pode estar presente na forma de pus, dores no peito e dificuldades de respirar. Trata se com antibióticos.

O Prevenar 13 contém polissacáridos de 13 tipos diferentes de S. pneumoniae (serotipos 1, 3, 4, 5, 6A, 6B, 7F, 9V, 14, 18C, 19A, 19F e 23F). Estima-se que, na Europa, estes serotipos sejam responsáveis por 73 a 100 % dos casos de doença invasiva em crianças com menos de cinco anos e por, pelo menos, 50 a 76 % dos casos de doença invasiva em adultos.

O Prevenar 13 é semelhante ao Prevenar (versão anterior da vacina), mas contém seis polissacáridos adicionais de serotipos que são responsáveis por entre 16 a 60 % dos casos, confere protecção contra 13 tipos da bactéria em vez de 7 tipos da Prevenar.

As vacinas ensinam o sistema imunitário (as defesas naturais do organismo) a defender-se contra uma doença. Quando um indivíduo recebe a vacina, o seu sistema imunitário reconhece as partes da bactéria contidas na vacina como «corpos estranhos» e fabrica anticorpos para as combater. A partir dessa altura, o sistema imunitário será capaz de produzir anticorpos mais rapidamente em caso de nova exposição à bactéria. A vacina contribui para aumentar a capacidade de defesa contra a doença.

A vacina Prevenar 13 foi integrada no Programa Nacional de Vacinação (PNV) a partir do dia 1 de Julho de 2015. A partir desta data a vacina passa a ser gratuita para todas as crianças nascidas desde 1 de Janeiro de 2015. Estas crianças serão vacinadas de acordo com o esquema recomendado de 3 doses. No PNV, os bebés começarão a ser imunizados aos dois meses de idade, depois aos quatro meses, sendo a última dose dada entre os 12 e os 15 meses.


Em crianças com idades compreendidas entre as seis semanas e os seis meses, poderão ser recomendadas quatro doses. As primeiras três doses são administradas com um intervalo de um mês entre cada dose. A quarta dose (dose de reforço) é administrada entre os 11 e os 15 meses de idade.

Caso a criança só comece a ser vacinada a partir de um ano de idade, deve fazer apenas duas doses, e, a partir dos dois anos, uma dose, tal como os adultos em geral.




Prevenar 13 passa também a ter custo zero para os adultos com algumas doenças crónicas e patologias consideradas de alto risco (os portadores do vírus VIH e de certas doenças pulmonares obstrutivas, cancro do pulmão).

Prevenar 13 custa 59,49 euros nas farmácias, esta a ser comparticipada em 15% pelo estado se apresentar receita medica.


Efeitos secundários?

È uma vacina que normalmente é bem tolerada, sem qualquer efeito secundário.
Os efeitos secundários mais frequentes associados ao Prevenar 13 em crianças são diminuição do apetite, febre, irritabilidade, reacções no local da injecção (vermelhidão ou endurecimento da pele, inchaço, dor ou sensibilidade à palpação), sonolência e sono agitado. Nos adultos e idosos, os efeitos secundários mais frequentes (são diminuição do apetite, dores de cabeça, diarreia, febre, vómitos erupção cutânea, reacções no local da injecção, limitação do movimento dos braços, dores nas articulações e nos músculos, arrepios e fadiga.


Deixe um comentário com a sua opinião, obrigada!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...